A revolução Schreyer na Kia

Até 2006, os carros da Kia Motors (e os demais modelos coreanos em geral) não empolgavam ninguém com seus desenhos antiquados e sem personalidade. Os produtos da Kia não seguiam uma identidade visual e vendiam mais pela lógica do preço mais convidativo do que pelo design em si. Mas esta situação foi até o momento em que o designer alemão Peter Schreyer resolveu deixar o Grupo Volkswagen após 26 anos na casa alemã onde criou obras como Audi A2, TT e Rosemeyer, VW Golf IV, New Beetle e Concept R. A revolução que Schreyer provocou na Kia foi tão impactante que na Coréia do Sul ele se tornou uma espécie de astro pop e é reverenciado nas ruas. Com Schreyer no comando, os modelos Kia só não começaram a ganhar identidade própria, como passaram a ser objetos de desejo. A mudança visual é nítida e contundente:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s